Certificado Digital e-PJ

Certificado digital específico para atender empresas que emitem nota fiscal eletrônica, de acordo com o volume de emissão diária: NF-e (Certificado Digital de Nota Fiscal Eletrônica).

PRODUTOValidade
1 Ano
Validade
3 Anos
PJ NFe A1R$ 275,00
PJ NFe A3 + CartãoR$ 520,00
PJ NFe A3 + Cartão + LeitoraR$ 620,00
PJ NFe A3 + TokenR$ 560,00

Para emissão do e-PJ são necessários os seguintes requisitos:

  1. Presença física do(s) responsável(eis) pelo CNPJ conforme cláusula administrativa do contrato social;
  2. Apresentar documentos ORIGINAIS que estejam REGISTRADOS nos órgãos competentes;
  3. Procuração pública, com prazo máximo de 90 dias da emissão, e específica (caso o responsável pelo Certificado não conste ou não possua poderes para representar a empresa isoladamente).

ATENÇÃO:
A delegação da procuração é aceita desde que conste expressamente tal possibilidade no contrato, estatuto ou alteração da empresa. Caso não conste essa possibilidade, é indispensável que o(s) representante(s) legal(is) compareça(m) na validação presencial, juntamente com o responsável pelo uso do Certificado Digital.

Documentos necessários:

<< Relativos à pessoa jurídica >>

  • Documento oficial de constituição da empresa (contrato social, requerimento de empresário e todas as alterações. Em casos de alteração consolidada, somente esta e as posteriores);
  • Clique aqui para consulta de documentos por tipo de entidade;
  • Cartão do CNPJ;
  • Cadastro Específico do INSS (CEI) – opcional;

<< Relativos ao responsável: mesma pessoa no cadastro da RFB >>

  • Documento de identidade com fé pública em bom estado e que a foto permita a identificação do titular;
  • CPF – dispensável se constar no documento de identidade;
  • Comprovante de endereço em nome do titular, emitido no máximo há 3 meses. Exemplo: contas de água, luz, telefone fixo ou móvel.Na falta deste, o titular pode preencher uma declaração de endereço no momento da validação presencial;
  • Identificação Social (PIS, Pasep ou INSS-CEI ) – opcional;

Aceita-se como documento de identidade com fé pública:

  • Carteira emitida pela Secretaria da Segurança Pública;
  • Carteira emitida por órgãos criados por lei federal, controladores do exercício profissional, tais como: OAB, CRC, CRM, CRO e CREA;
  • Carteira Nacional de Habilitação;
  • Registro Nacional de Estrangeiros;
  • Passaporte deve estar acompanhado de uma tradução juramentada.

ATENÇÃO:
é OBRIGATÓRIA apresentação de documentos originais e cópias simples.